Cerrar Menú Blogs
Las opiniones de los blogueros son de su estricta responsabilidad y no representan la opinión de este portal.
Profile image

Ingresa o regístrate acá para seguir este blog.

Seguir este blog
tipthumb-large-backpackers

Viajar é muito mais do que um caminho para descobrir quanto desconhecemos do mundo e de nós mesmos. É muito mais do que uma porta de emergência para fugir do caos de nossas cidades e esquecer o silêncio de nossas casas. Viajar é a felicidade mesma disfarçada de ócio e cheia de infinitos aprendizados; é a mostra mais nobre e inocente por entregarmos ao desconhecido e abraçar lugares e costumes que não nos pertencem.

Planejar uma viagem é marcar uma rota de visitas que farão de nossa jornada um diário de experiências e conhecimentos que ninguém poderá nos arrancar. Viajando chegamos a profundas reflexões sobre maneira em que vivemos e como queremos viver depois de desfazer as malas. No exterior entendemos que a fome não é um problema endêmico de nosso país, que a pobreza não é uma desculpa para trabalhar de graça, que a desigualdade é uma doença impossível de curar com a fé, e que uma casa e um carro jamais vão dar conta de nosso sucesso, nem muito menos vão substituir nossa felicidade.

As pessoas que viajam sabem que não existe uma idade específica para viajar, mas é indispensável faze-lo em todas as etapas da vida, principalmente quando somos jovens e temos os sonhos novos, a energia completa e o cérebro em seu melhor momento para aprender todo o que precisamos do mundo. Sonhar é coisa de crianças, lutar é de adultos e guardar a esperança é de idosos.

Por isso, precisamos que mais jovens viajem pelo mundo e venham com ideias que enriqueçam ao nosso país; que nos façam perceber as boas tradições que temos e as costumes aberrantes que nos amarram à pobreza e à ignorância. Lá fora já se superaram épocas mais cruas e sangrentas, já morreram muitos mais por ódio e discriminação. Lá fora faz muito deixaram de fazer o que nós ainda acreditamos que está bem, já se levantaram de situações piores e de tudo isto podemos aprender, seja para prevenir ou para dar uma solução.

Necessitamos que as novas gerações pulem de país em país dispostas a aprender dos lugares que visitam e a ensinar o aprendido no momento de regressar; que venham a contar-nos que é possível fazer controle cidadão de nossos líderes políticos e que temos que lutar por direitos que nem imaginávamos que existiam; que venham a mostrar-nos como proteger nossos recursos naturais, nossa flora e fauna, dos interesses económicos das multinacionais; que venham a dizer-nos por que os prejuízos que nos inculcaram da infância nos impedem de deixar para trás os episódios mais violentos e tristes de nossa história; que venham a ensinar-nos por que devemos reconhecer e respeitar a diferença de gênero, raça, orientação sexual, espiritualidade e pensamento…

Precisamos que mais jovens façam as malas e aprendam de fora o que não querem que saibamos: o que só se aprende viajando.

Por: Andrés Gutiérrez 
Río de Janeiro, Brasil.
Instagram: @AndresGutierez
Twitter: @AndresGutierez
Facebook: Fb.com/AndresGutierezR

 

(Visited 155 times, 1 visits today)
PERFIL
Profile image

Periodista colombiano con un MBA de la Anglia Ruskin University (UK). Actualmente reside Malta, Europa, y coordina estrategias de creación de contenido y marketing digital. FB/Twitter/Instagram: @andresgutierez

Más posts de este Blog

Ver más

Lo más leído en Blogs

1

Dios nos habla por medio de nuestros sueños. Esta es una(...)

2

Soñar con amigos y familiares que fallecieron causa mucha inquietud a(...)

3

"A veces llega a tu vida alguien distinto, alguien que te(...)

0 Comentarios
Ingresa aquí para que puedas comentar este post
Reglamento de comentarios

ETCE no se responsabiliza por el uso y tratamiento que los usuarios le den a la información publicada en este espacio de recomendaciones, pero aclara que busca ser la sombrilla de un espacio donde el equilibrio y la tolerancia sean el eje. En ese camino, disponemos de total libertad para eliminar los contenidos que:

  1. Promuevan mensajes tipo spam.
  2. El odio ante una persona o comunidad por su condición social, racial, sexual, religiosa o de situación de discapacidad.
  3. Muestren o impulsen comportamientos o lenguajes sexualmente explícitos, violentos o dañinos.
  4. Vulneren o atenten contra los derechos de los menores de edad.

Además, tenga en cuenta que:

  • - El usuario registrado solo podrá hacer un voto y veto por comentario.
Aceptar
¿Encontraste un error?

Para EL TIEMPO las observaciones sobre su contenido son importantes. Permítenos conocerlas para, si es el caso, tomar los correctivos necesarios, o darle trámite ante las instancias pertinentes dentro de EL TIEMPO Casa Editorial.


Debes escribir el comentario
¡Gracias! Tu comentario ha sido guardado
Tu calificación ha sido registrada
Tu participación ya fue registrada
Haz tu reporte
Cerrar
Debes escribir tu reporte
Tu reporte ha sido enviado con éxito
Debes ser usuario registrado para poder reportar este comentario. Cerrar